Digital Resource World News – Entertainment – Urandir News-

9ets News – Notícias Mundo & Urandir News-

DR NEWS Urandir 9485 9 et Urandir   News 2014   4268a 2019 09 09t154958z 1940783767 rc1b4d7a5640 rtrmadp 3 usa trump    Conversa de Trump com líder de outro país é objeto de denúncia de agente de serviço de inteligência dos EUA, diz imprensa by Urandir Oliveira
Conteúdo do caso contra Trump não foi revelado nem a parlamentares; presidente classifica história como ‘fake news’. Donald Trump, presidente dos EUA, em cerimônia na Casa Branca em agosto
Erin Scott/Reuters
Um membro de um serviço de inteligência dos Estados Unidos protocolou uma reclamação contra o presidente Donald Trump, que teria firmado um compromisso verbal com o líder de um outro país que ele não poderia fazer, de acordo com reportagem desta quinta-feira (19) do jornal “The Washignton Post”.
O pedido foi aceito pelo inspetor geral das agências de inteligência dos EUA, Michael Atkinson, que teria classificado a reclamação como uma preocupação urgente, diz o jornal.
Com esse status, o caso precisa ser notificado a comissões parlamentares.
Um deputado do Partido Democrata, Adam Schiff, pediu para que todo o conteúdo do caso seja revelado ao Congresso, mas o governo se recusou a fazer isso.
A reclamação foi protocolada no dia 12 de agosto, de acordo com uma pessoa ouvida pela agência Reuters que prefere não revelar sua identidade.
O autor do pedido não deve ser alguém da CIA, segundo essa fonte da Reuters, porque essa agência tem seu próprio inspetor geral –portanto, o tema não seria levado a Atkinson, o inspetor das agências de inteligência do país.
Um painel de deputados se encontrou com Atkinson em uma sessão fechada nesta quinta (19) para discutir o caso. Haverá uma audiência na próxima semana com o diretor nacional de inteligência, Joseph Maguire.
Jornalistas aguardam fim da sessão de comissão parlamentar com inspetor general Michael Atkinson, que foi fechada, em 19 de setembro de 2019
Jonathan Ernst/Reuters
O presidente Trump classificou a história como “fake news”.
Ele afirma que, quando conversa pelo telefone com líderes estrangeiros, tem a consciência de que há gente das agências de inteligência ouvindo a conversa – e que do outro lado da linha o mesmo acontece.
“Sabendo isso, será que alguém é suficientemente bobo para acreditar que eu diria algo inapropriado a um líder estrangeiro enquanto estou em uma chamada potencialmente altamente populosa?”, ele escreveu numa rede social.

9ets News e Urandir Notícias
Notícias Mundo fonte g1.globo.com notícias & Urandir news

digital resource Entertainment news- Urandir Notícias
sources: Entertainment news from reuters.com